O principal objectivo das operações de geo-engenharia (chemtrails) é tapar o Sol porque os Snatchers não suportam a radiação ultravioleta e é para manipular a atmosfera e todos os ecossistemas e organismos na Terra para se adaptarem a dispositivos cibernéticos e transhumanistas e manter os seres-humanos em baixa frequência vibracional (infravermelha) para serem manipulados e controlados pela inteligência artificial e por armas militares electromagnéticas de energia dirigida usando os telemóveis e a rede wireless 5G (Act 1)

As corridas nas cidades como o Parkrun, o Run Portugal e o Portugal Running são operações do complexo militar, médico e farmacêutico e dos serviços de inteligência de todo o mundo para condicionamento mental habituando as pessoas a usar a marca da besta que são dispositivos de rastreabilidade humana como as pulseiras electrónicas com barcodes e RFID para identificação e geo-localização, e para destruir o sistema imunitário dos humanos com armas electromagnéticas de energia dirigida!

O caso mediático Football Leaks da fuga ao fisco de Cristiano Ronaldo e Messi é uma mega operação dos serviços de inteligência internacionais para implementarem a moeda digital como a solução no combate à evasão fiscal e à corrupção e para acabarem com as penas suspensas e com qualquer tipo de defesa e protecção jurídica para que a inteligência artificial que as autoridades judiciais querem usar até 2030 tome decisões e sentenças judiciais automáticas!

A maior fraude do século é a teoria da destruição da camada de ozono por acção dos CFCs (CFC-ozone depletion theory) e um dos maiores charlatões é Mario Molina que inventou essa teoria criminosa e fraudulenta para proibir os CFCs (Chlorofluorocarbon) em todo o mundo com o principal objectivo de retirar o cloro e o carbono da atmosfera provocando o aquecimento global, as alterações climáticas e a consequente proliferação de agentes patogénicos, epidemias e catástrofes naturais!

O caso da criança Bento que morreu afogada num tanque de regadio é uma encenação mediática e operação dos serviços de inteligência para aprovar legislação que proíba os poços e tanques de rega para retirar a independência alimentar às populações rurais e para controlar e espiar as crianças com pulseiras electrónicas e dispositivos RFID em nome da prevenção e de uma falsa segurança para acabar com a liberdade e a privacidade das crianças e das suas famílias!

O Ministério da Justiça, o Ministério Público, os incendiários e psicopatas da Comunicação Social, as autoridades de saúde e o Vaticano são irmandades satânicas de terrorismo altamente organizado que querem destruir as famílias biológicas e retirar as crianças aos pais para as drogar, vacinar e chipar com pulseiras e dispositivos electrónicos em nome da violência doméstica e de uma falsa protecção de menores para serem monitorizadas e vigiadas pelos pedófilos psicopatas das autoridades!

Bebé de dois anos morta pelo pai é uma operação mediática encenada pelos serviços de inteligência e pelas autoridades médicas (polícia judiciária e os illuminati), para aprovar legislação em nome da violência doméstica que está a ser usada para retirar as crianças aos pais, drogá-las e vaciná-las à força, controlar as crianças com dispositivos biométricos de rastreabilidade humana (chips RFID e pulseiras electrónicas) como fazem com o gado, e implementar os Crime Maps!