A Direção-Geral da Saúde e o Governo de Portugal estão a mentir! Os vírus não têm vida para sobreviver, COVID-19 são nanopartículas que usam temperaturas quentes e oxidadas para obter electricidade e propagar-se! Este “vírus” é neutralizado com temperaturas frias fora do corpo e não quentes!

A DGS (Direção-Geral da Saúde de Portugal) mais uma vez estão a mentir! Os vírus não morrem com altas temperaturas porque os vírus não têm vida, os vírus são nanopartículas (bacteriófagos) que se tornam hidrossolúveis em altas temperaturas convertendo as altas temperaturas em electricidade que é o que vai fazer funcionar as nanopartículas que conseguem dessa forma movimentar-se no ar e alojar-se nas fibras sintéticas das máscaras faciais, viseiras protectoras e na roupa que têm fibras sintéticas, polímeros sintéticos que atraem o vírus com altas temperaturas oxidadas que geram muita carga eléctrica que vai potenciar ainda mais o vírus, as nanopartículas.

O RNA de um bacteriófago (COVID-19, vírus nanotecnológico) é hidrossolúvel, o que eles estão a fazer com as temperaturas quentes fora do corpo, com o sol intenso, com a água quente nos banhos e na lavagem da roupa, é a potenciar a pandemia porque as nanopartículas usam as temperaturas elevadas para converter o calor em electricidade e obter energia! (ver aqui)

E o hidrogel que eles andam a usar no gel desinfectante nas operações de desinfecção, e que anda a ser distribuído nas escolas pelas Forças Armadas (Exército, complexo industrial militar) com a cumplicidade do Governo, do Chefe do Estado-Maior-General das Forças Armadas, dos Directores das Escolas e reitores das Universidades, muito provavelmente é o hidrogel desenvolvido pela DARPA que alguns dizem ser um dos elementos principais da marca da besta porque é um gel com chips nanotecnológicos (biosensores) para monitorizar em tempo real a pessoa por dentro e por fora com sensores biotecnológicos para monitorização em tempo real e à distância de todos os processos biológicos de um ser-vivo usando um hidrogel, DARPA-Backed Study Leverages Profusa’s Lumee® Oxygen, a minimally invasive injectable biosensor technology, the Lumee® Oxygen Platform, as a platform to potentially assist in the early detection of influenza outbreaks.

Profusa is pioneering tissue-integrating biosensors for continuous monitoring of body chemistries.

PALCA: It has two basic parts. The first is to identify antibodies. So those are the things that our immune system use to fight disease. They’re going to try and get antibodies from people who’ve been infected with COVID-19 and recovered.

MARTIN: OK.

PALCA: So they can fish those out of people’s plasma, their blood. And then they’re going to – that usually – that takes some time, but they’re trying to shorten that period to three weeks. And then they’re trying to develop a drug that can be used based on these antibodies. Now, typically, when you make a drug like that, you make them in these big bioreactors, but they’re going to try something different. They’re going to try and just take the genetic material that codes for these antibodies and put that into people and let the people’s own cells make the antibody. So the people become the bioreactors, so to speak. – Source

The sensor has two parts. One is a 3mm string of hydrogel, a material whose network of polymer chains is used in some contact lenses and other implants. – Source

Profusa awarded $7.5M DARPA grant to work on implantable biosensors – Source

Este “vírus” (nanopartículas) limpa-se com temperaturas frias por fora e quentes por dentro! As nanopartículas não se conseguem deslocar no frio e só se conseguem deslocar através do oxigénio ionizado e do óxido de hidrogénio (H2O, água desmineralizada), as nanopartículas não funcionam num corpo mineralizado (os minerais produzem reacções químicas e geram ressonâncias vibracionais que desintegram e neutralizam as nanopartículas, por isso é que eles andam a filtrar a água, a desmineralizar a água e os alimentos), e nem sequer se conseguem deslocar em materiais ou organismos com bactérias, fungos, micróbios e germes porque estes micro-organismos atacam as nanopartículas porque as consideram como corpos estranhos!

As nanopartículas (COVID-19) não conseguem invadir nem contaminar um corpo se esse corpo estiver quente por dentro, com calorias (por isso é que eles estão a retirar o açúcar dos alimentos e a demonizar o açúcar, os doces e tudo que tenha calorias), as nanopartículas não funcionam dentro de um corpo quente em alta vibração energética por causa do sistema circulatório e dos processos metabólicos do corpo que neutralizam as nanopartículas com reacções químicas! Por isso é que eles andam a medir a temperatura das pessoas porque um corpo quente por dentro neutraliza as nanopartículas, e o que é que eles fazem? Se o corpo estiver quente (uma reacção natural do metabolismo e do sistema imunitário) eles diagnosticam essa pessoa de positiva para o COVID-19 e sujeitam essa pessoa saudável a tratamentos que a vão arrefecer, adoecendo-a e tornando-a vulnerável a novas invasões e contaminações pelas nanopartículas que eles andam a espalhar na atmosfera com a geo-engenharia e que só conseguem invadir e contaminar um corpo se este estiver frio por dentro mas quente por fora principalmente junto às vias respiratórias que são portais de entrada para invasão corporal! É um crime cometido pelas autoridades de saúde, pelo governo e pelas autoridades judiciais que estão a obrigar as pessoas e os profissionais de saúde, policiais, militares a usarem armas biológicas de contaminação em massa que são as máscaras faciais e viseiras!

Por isso é que eles querem que toda a gente use máscaras faciais e viseiras, para aquecer a zona à entrada do corpo, na cabeça, junto às vias respiratórias para que as nanopartículas sejam atraídas e fiquem alojadas no tecido das máscaras e no plástico das viseiras e entrem mais facilmente no corpo, invadindo-o! Isso só é possível com temperaturas quentes e oxidadas fora do corpo junto à entrada das vias respiratórias (máscaras e viseiras faciais) mas com o corpo frio por dentro, sem calorias para impedir as reacções químicas de elevada energia que ocorrem naturalmente dentro do corpo e que desintegram as nanopartículas!

Eu já vos tinha avisado disto quando falei do vento frio (ver aqui e aqui). Por isso é que eles querem toda a gente de máscara e de viseira facial, com a cara quente e oxidada com as máscaras, para atrair e fornecer energia eléctrica às nanopartículas potenciando ainda mais a contaminação e a pandemia porque este vírus nanotecnológico precisa de temperaturas quentes e oxidadas no ar para funcionar e se propagar!

Referências:

O vírus COVID-19 é nanotecnologia que usa a energia solar para converter a luz solar em electricidade e o oxigénio para contaminar, infectar e queimar os corpos por dentro! A peste negra foi um ataque nanotecnológico que fez uso da energia solar e do oxigénio (radiação electromagnética) para queimar os corpos!

5 thoughts on “A Direção-Geral da Saúde e o Governo de Portugal estão a mentir! Os vírus não têm vida para sobreviver, COVID-19 são nanopartículas que usam temperaturas quentes e oxidadas para obter electricidade e propagar-se! Este “vírus” é neutralizado com temperaturas frias fora do corpo e não quentes!

  1. Trevor, tem um cara no Bitchute, o “Romulo Maraschin”, que também está falando sobre isso e outras coisas mais arrepiantes e chocantes que nos espera nos próximos anos. Ele fala sobre um “gel” que todos serão obrigados a usar, que vem com nanorobôs que serão capazes de se conectar à internet e se amalgamarem (fazerem uma simbiose) nas nossas células, pois podem se locomover porque são nanorobôs, e acessarão o nosso cérebro. É o tal do “Neuralink” do Elon Musk, ou uma ramificação desse neuralink. Com isso, eles saberão o que a gente pensa.

    Outra coisa que ele comenta também é sobre o “Gesara” (eu vou pesquisar, pois já tinha ouvido falar mas nunca procurei saber o que era).

    Ele também fala sobre “RACOON” (segundo ele, é um “anagrama” para alguma coisa que ele não pode dizer o nome porque senão é censurado (eu também vou ter que pesquisar isso, porque eu não sei do que ele está falando).

    Ah! O lance dessa quarentena ficará intermitentemente até 2022 ou 2024 (essa parte ele não foi preciso porque em um vídeo ele fala 2022, já em outro ele faloy 2024, então… 🤷🏻‍♀️). Depois eles viriam com a “solução”, que é o chip para todo mundo. Que a partir de 2023 ou 2025 começará a obrigatoriedade desse chip. E os trilhões e trilhões que tem no Gesara, só vai poder usar quem for chipado.

    https://www.bitchute.com/video/hg2HTF2NOrQ/
    Neurolink ☝🏻

    https://www.bitchute.com/video/CVvd1eJRP_A/
    Gesara☝🏻

    Liked by 1 person

    1. Por isso é que os governos neste momento têm uma prioriddade, acabar com a economia paralela porque é essa economia que nos vai poder salvar do que eles estão preparando, sem economia paralela acaba-se a independência alimentar e eles conseguem controlar tudo e todos! Temos de manter uma economia paralela para que ninguém dependa do Estado para sobreviver! Como engendrar um honeyspot para identificar e exterminar com os dissidentes e independentes do Estado, destrói-se a economia todo com um vírus que não existe usando guerra psicológica na comunicação social, destrói-se o poder de compra da classe média e média-alta, manda-se todo o mundo para o desemprego para dependerem do Estado para sobreviver e dá-se uma esmola a quem vive da economia paralela para o Estado os identificar e posteriormente os exterminar com o chip ID2020 para os caçar, monitorizar e controlar para sempre acabando-se com a independência das populações:

      “No caso dos trabalhadores da chamada economia informal (que não descontam para a Segurança Social), o Governo pretende “promover a entrada na economia formal“. Estas pessoas têm de declarar “o início ou reinício de atividade independente junto da administração fiscal” e terão de se “manter vinculadas ao sistema de Segurança Social durante um período de 24 meses”, explica ainda o comunicado.”

      (Todos os Estados e Governos têm de ser exterminados porque são grupos de criminalidade altamente organizada que estão a seguir a mesma agenda!!!)

      Gostar

    2. Você está estranho… De alguns dias para cá não me parece mais a mesma pessoa que fazia as matérias desse diário e respondia às perguntas… 🤔 Será que “você” já não é mais você? 😳 Eles estão caçando todos os que se opõe ao sistema…

      Gostar

  2. o que sabes a respeito,

    1 estão obrigando a colocar lampadas led nas vinicolas, nem o vinho esta seguro

    2 – que distancia filma e grava o audio e video, lampada led em postes de rua publica

    3 -o audio e video funciona , apenas quando esta ligada(acesa) ou tb quando nao esta acesa.(apagada)

    Gostar

    1. “1 estão obrigando a colocar lampadas led nas vinicolas, nem o vinho esta seguro”

      Usem garrafas ambar escuro, aquele castanho opaco e escuro que é o melhor para proteger, como as garrafas da cerveja. Nunca percebi porque razão o vinho não usa essas garrafas ambar que a cerveja usa se são mais protectoras? Mas espera lá, eles estão obrigando a usar lâmpadas LED nas vinhas, nos campos?

      “2 – que distancia filma e grava o audio e video, lampada led em postes de rua publica”

      Boa pergunta, não sei, só sei que captura som e imagem agora a distância exacta não sei mas pensando um pouco não deve ser difícil saber a distância, basta medir a distância de alcance de uma lâmpada LED! Essas câmaras usam a luz visível, de dia é mais fácil, tem mais alcance, mas à noite a captura de imagem tem o alcance do alcance das luzes LED!

      “3 -o audio e video funciona , apenas quando esta ligada(acesa) ou tb quando nao esta acesa.(apagada)”

      Não sei, mas de certeza que funciona sempre, de dia não precisam de luzes LED porque têm a luz do dia, a luz solar, à noite é que precisam de estar acessas porque precisam da luz LED como foco para a câmara.

      Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.