José Pacheco da Escola da Ponte (experiência piloto que usou as crianças como cobaias) e o jornal electrónico Observador são agentes da Nova Ordem Mundial ao serviço dos illuminati que querem construir Colectividades para nos obrigar a sermos todos iguais à força, e para nos controlar de forma colectiva e centralizada!

José Pacheco, o Professor que quer acabar com os Professores e que gosta de casas de banho partilhadas com os alunos!

“Pode dar-se aula para acabar com a aula. Uma criança não nasce ensinada. Quando falo em dar aula, não falo do professor sozinho na sala de aula, falo em equipa. Um professor não transmite aquilo que diz, transmite aquilo que é. A aprendizagem é antropofágica: não aprendo o que o outro diz, aprendo o outro, pelo exemplo e pela imitação.Fonte

Continue reading “José Pacheco da Escola da Ponte (experiência piloto que usou as crianças como cobaias) e o jornal electrónico Observador são agentes da Nova Ordem Mundial ao serviço dos illuminati que querem construir Colectividades para nos obrigar a sermos todos iguais à força, e para nos controlar de forma colectiva e centralizada!”

Os carteiristas estão a ser protegidos pelas autoridades policiais e usados na comunicação social para provocar uma reacção popular de insegurança para implementarem os mapas de crime (crime maps) geridos pela inteligência artificial e pelas forças policiais!

Reparem bem no estado a que Portugal chegou! Eles querem mais presos porque as prisões que estão cheias em Portugal com pobres e inocentes para servirem de cobaias à indústria judicial-militar-médico-farmacêutica ainda não são suficientes para agradar esses psicopatas satânicos que devem estar neste momento a rezar para que o Dies Irae não aconteça, porque se acontecer, eles não serão presos no dia do Juízo Final, eles serão completamente exterminados! E assim seja!!!

Continue reading “Os carteiristas estão a ser protegidos pelas autoridades policiais e usados na comunicação social para provocar uma reacção popular de insegurança para implementarem os mapas de crime (crime maps) geridos pela inteligência artificial e pelas forças policiais!”