A cabala acústica usa o alfabeto consonantal que tem sido usado desde a inoculação das linguagens alfabetizadas para controlar as populações mundiais pela palavra para excitar o ar com níveis elevados de oxidação para libertar epinefrina oxidada (adrenochrome) usando o oxigénio como combustível e super-condutor para espalhar frequências patógenas no ar e dar de mamar aos Archons que se alimentam de epinefrina oxidada com a queima (holocaustos) dos corpos e do oxigénio pela palavra, pelo sopro, pelo fogo em incêndios, eventos culturais, desportos, festivais religiosos, matança animal, foguetes e fogo de artifício, guerras, e com instrumentos de música de sopro e de metal polido que foram orquestrados para queimar e densificar o ar com as orquestras musicais e as bandas sinfónicas e filarmónicas!

A música orquestral e a música épica (que é orquestral) é tóxica porque gera estados de adrenalina (epinefrina oxidada, adrenochrome). A música épica é orquestral, ou seja, são vários instrumentos a tocar no mesmo espaço-tempo, é uma forma de hipnose colectiva como vão perceber e que provocam distorção sonora, oxidam e queimam o ar e os corpos e causam interferência cerebral. Orquestras e música épica é ruído, é tóxico, é para provocar stress oxidativo e deixar as pessoas nervosas num estado de êxtase de guerra e com o ego inflamado, orgulhosas, vaidosas e alardeadas, tem o mesmo efeito dos graus académicos como Doutores, Mestres e o outro título que o Bastonário dos Médicos quer inventar para substituir o título de Doutores.

As nossas células comunicam com pulsos sonoros individuais e cada um desses pulsos com o seu canal de comunicação, não há mistura! Os astros comunicam com pulsos sonoros! Toda a natureza funciona com pulsos sonoros que é o que gera movimento e vibração, emoção, ou seja, energia em movimento! As autoridades não querem pessoas impulsivas porque são pessoas indomáveis que não conseguem ser polidas (incontroláveis) e porque são impulsionadoras que estimulam e inspiram!

A comunicação entre mundos, entre corpos e da natureza não é feita com ondas que é luz e a luz são as trevas porque o que projecta as trevas é a luz através das ondas electromagnéticas, a comunicação nativa da linguagem máquina da natureza é feita com pulsos, impulsos, com emoção! Tudo é o resultado de emoções sob a forma de impulsos e não ondas! Ondas é baixa frequência e impulsos é alta frequência que estão fora do espectro electromagnético, os impulsos não dependem das ondas electromagnéticas para se manifestarem! Os impulsos podem gerar ondas (manipular a nossa realidade) mas as ondas não geram impulsos porque estão dentro do espectro electromagnético que é todo ele uma prisão de ondas electromagnéticas de baixa vibração para poderem ser materializadas em ondas eléctricas! A fonte primordial da emoção é manifestada sob a forma de pulsos sonoros que se materializam em ondas dentro do espectro electromagnético e os impulsos são puros, não polidos, são autênticos e são manifestados em canais individuais não físicos e não são misturados porque não é possível violar a integridade de um impulso porque não é físico e provém do Espírito, é puro, autêntico, honesto e individual. E os impulsos podem ser manifestados em vários lugares ao mesmo tempo e em vários espaços-tempos porque não dependem de ondas electromagnéticas (física e mecânica quântica) Pure Tones, emoção manifestada sob a forma de pulsos sonoros:

Pure Tones: Elfen Lied

A combinação das notas musicais e dos instrumentos tem de ser impulsiva e de dentro para fora (improvisada do Espírito para a matéria) e não de fora para dentro (pautas musicais), tem de ser algo abstracto, caótico, imprevisível, único, impulsivo, não pode haver uma forma igual à outra porque toda a criação na natureza é única, não há uma igual à outra precisamente por causa da forma como as frequências vibracionais são geradas e emanadas, são individuais, genuínas, autênticas, não há uma igual à outra! A este processo é que se pode chamar Criação pois de outra forma, se existirem formas repetidas, isso é reprodução e não criação!

Ou seja, quanto menor for a forma geométrica na propagação do som (pure tones) menor são os ângulos e maior a vibração, e quanto menos ângulos existirem menor é a densidade sonora e maior a vibração, menor a deformidade do som porque deixa de existir forma porque não há ângulos e sem ângulos não há deformações, não há geometria, e sem geometria não é possível formar nem deformar nada, ficamos sem formas e sem estilos, tornamo-nos abstractos, caóticos, indomáveis, imprevisíveis, incontroláveis, sem limites, sem formas, ligados ao infinito, ao som do absoluto que é o que nos dissolve as trevas do ego, a luz! A luz tem de ser dissolvida e não aprisionada com mais níveis electrónicos, mais densidade e mais formas geométricas! E para que essa dissolução ocorra não pode haver formas, tudo tem de ser simples, flat, pure tones, menos definição, menos escalas, menos dimensão, menos complexidade, menos geometria, menos limites, menos luz, menos sombra, menos ruído, menos densidade, menos negatividade, menos electrões, menos gravidade!

Os golfinhos comunicam com pulsos sonoros em pure tones

Dolphins have something special in their sonar, in the sound they emit, it is an advanced technology that makes use of simple pure tones which is the natural way we should all be communicating as this is our original telepathic form of communication that was turned off by the inoculation of the alphabet! Our native language is a baby language, chanting meaningless sounds to express emotions, smiling, crying, laughing, screaming, emotions! Education, Religions, Politics, Science, Vaccines, pharmaceutical drugs and medical diagnostics are being developed and used to turn off human emotions, vaccines are being used worldwide to kill us spiritually, to disconnect our physical bodies from our spiritual bodies, the spirit is expressed by emotions and emotions are expressed through impulses manifested by face expressions, through our daily doings, through art, vocal intonations (just intonation, pure intonation) and through any physical activity and exercise with body movements, any activity that connects the body, mind and spirit.

Our vocal cords work with pure tones and emit the sounds of feelings, emotions! Feelings and emotions are our machine language and the vocal cords materialize these feelings through the sound they emit and these sounds can be toxic or healthy, depending on the person’s intention and nature. This natural way of communicating was removed from us with the inoculation of literacy through the alphabet which is a high level language (one language on top of the other, it is a virus!), the alphabet is a language that is not ours, the alphabet is an alien instrument to mind control and genetic manipulation to manipulate the light (matter) and to control the mind and the genetic code with low frequencies (electromagnetic frequencies) that is only possible with the alphabet because the alphabet is a low frequency electromagnetic wave form, do you know that feeling that you can’t find words to describe what you feel? Or words are too slow because it delay the frequency of what you are feeling and thinking, you want to express it in words but you can’t do it because words are too slow and limit your expressive ability preventing you from expressing emotions and thoughts!

That’s because the alphabet forms angles (blockages) and linear and angular structures (the alphabet forms angles to block energy and control the light, and any form of control is slow to be able to be controlled), the alphabet is not the machine language of any species in nature, it is a control instrument that was inoculated on earth by alien invasion to separate the spirit with genetic codes (different bodies with different languages) to be controllable through division (divide to conquer) with high level languages using the alphabet! There is something very wrong with literacy and written languages, it is an instrument of genetic, mental, emotional and population control. That is why all authorities and control systems use words!

Animals do not respond to words, they respond to thoughts and to the intention and intonation with which words are spoken. Nature does not respond to words, it responds to emotions and that is why all mental control systems are made to manipulate emotions for us to control nature destructively because our emotions are being manipulated with mental control, and if they manipulate our emotions they control nature and vice versa, because there is no separation, we are connected with nature because we are part of it!

The military and their evil scientists, geneticists and doctors uses dolphins as weapons and spies and they do horrible genetic experiments on dolphins. The military, medical and pharmaceutical industry is a plague on Earth and must be wiped out!

“It occurred to Musashi what an odd fact it was that most children could draw – and sing, for that matter – but that they forgot how to as they grew older. Perhaps the little bit of wisdom they acquired inhibited them. He himself was no exception. As a child he had often drawn pictures, this having been one of his favorite ways of overcoming loneliness. But from the age of thirteen or fourteen until he was past twenty, he gave up drawing almost entirely.” (Musashi, p.839)

As in the case of other adults who have forgotten how to draw, his mind would work, but not his spirit. Intent upon drawing skillfully, he was unable to express himself naturally. (Musashi, p. 839)

Eles não nos querem crianças para não usarmos o Espírito!

Por isso, todo o sistema de ensino e todo o mundo é uma grande treta de gigantones que assustam as crianças para as traumatizar para mais facilmente as controlar e escravizar durante a sua vida, e os adultos muito ajuizados adoram isso porque o que eles querem é foder e cagar com a juventude a se desgastar com toda a sua força sexual e criativa a ser explorada para enriquecer oligarquias, seitas e empresários que competem entre si para ver quem é que consegue escravizar mais fornadas de jovens, tal como eles gostam de apelidar a juventude, de fornadas! São tudo negócios com base em mentiras, tudo seitas e crime organizado a competirem com diferentes ideologias para ver quem é mais gigantone e tem a piça maior e consegue foder e enganar mais seres-vivos ao mesmo tempo!

gigantones

O alfabeto é uma arma biológica de manipulação genética e celular porque altera as nossas vibrações e por isso é que a comunicação social, a política e a religião tudo o que faz é com base no alfabeto e é sempre com más intenções, para controlo mental e manipulação genética porque as palavras alteram a expressão genética porque nos controlam a mente e quem controla a nossa mente controla os nossos genes porque os nossos genes são programados pelo que pensamos e sentimos! O alfabeto funciona com consoantes que é uma obstrução à nossa linguagem máquina de comunicação original que não era alfabetizada!

Reparem: Em fonética, consoante é qualquer fonema caracterizado por alguma obstrução ou constrição em um ou mais pontos do tracto vocal, ou seja o som não sai livremente do Espírito, é filtrado pelas consoantes do alfabeto! Isto é uma arma alienígena que foi inoculada na mente e nos genes do homo sapiens e posteriormente em todas as sociedades humanas para os controlar com as linguagens alfabetizadas (literacia do homo sapiens) para nos impedir de comunicar directamente sem filtros, sem obstruções e sem constrições do tracto vocal, sem alfabetos! Os alfabetos são sigilos para nos impedir de comunicar directamente com a linguagem do Espírito (telepatia), os alfabetos são linguagens de alto nível que foram inoculadas no código genético como uma arma de manipulação genética para desligar a forma nativa de comunicação da humanidade que é telepática e espiritual, é a linguagem máquina do Espírito Eterno e que não usa alfabeto nem linguagem nenhuma!

Esta forma original de comunicação foi-nos desactivada por manipulação genética com a introdução das várias linguagens alfabetizadas que é um vírus para dividir a humanidade e controlá-la com linguagens e com a palavra! Por isso é que tudo o que essas bestas fazem é com a palavra! A palavra é o instrumento principal de arquitectura do mundo porque é com a palavra que eles programam o mundo! Eles inventaram várias linguagens com vários alfabetos consonantais para criar o Homo Sapiens (que já é uma manipulação genética laboratorial) e dividir a humanidade toda com linguagens para nos impedir de comunicar uns com os outros através da linguagem máquina do Espírito que não é alfabetizada e que nos liga ao Espírito Eterno e portanto liga-nos a todos espiritualmente independentemente das diferenças físicas que é apenas uma shell, uma máscara electromagnética!

Os hereges e gnósticos Cátaros sabiam usar essa linguagem do Espírito e por isso é que foram perseguidos! Eu acho que a forma nativa de comunicação é uma combinação sintonizada de duas forças sonoras contrárias mas que são a mesma força espelhada que anulam cargas electromagnéticas e por isso não oxidam nem queimam o ar, pelo contrário, revitalizam e regeneram o ar e os corpos! São duas entoações contrárias com impulsos graves (drum and bass) e agudos, como numa oitava (dó-ré-mi-fá-sol-lá-si-dó) em que temos dois dós espelhados (um mais grave e outro mais agudo mas são ambos a mesma nota espelhados que se anulam electricamente), a linguagem do Espírito é simples mas foi-nos ocultada e em vez disso impuseram-nos em cima da nossa linguagem nativa uma linguagem mais complexa e densa que são as linguagens alfabetizadas.

As linguagens alfabetizadas é claramente uma arma alienígena de controlo mental e biológico parar gerar óxidos, para queimar o ar dentro e fora dos corpos, é para excitar os corpos e o ar para que as células fiquem num estado de stress oxidativo e o ar fique oxidado e queimado para libertar adrenochrome através da acidificação de todos corpos e micro-organismos em diferentes escalas! Eles excitam, traumatizam e oxidam/queimam os seres-vivos que existem em diferentes escalas, na escala humana e na escala microbiana excitando e queimando os corpos e o ar!

E todo este processo de excitação e oxidação do ar e dos corpos está relacionado com as ondas electromagnéticas que constituem o espectro electromagnético porque eles alteraram a nossa forma original de comunicação que não era com ondas electromagnéticas, nós não comunicamos com ondas electromagnéticas que é uma linguagem de baixa frequência vibracional que requer ondas, espaço e tempo para comunicar, ou seja, é lenta e filtrada pelo ar, é uma linguagem de baixa frequência vibracional que só funciona dentro do espectro electromagnético com ondas! Isso é tecnologia primitiva, aliás, é uma arma de controlo para nos separar da nossa linguagem de comunicação original que não usa ondas porque está fora do espectro electromagnético!

A nossa linguagem original de comunicação não é nem alfabetizada nem usa as ondas do espectro electromagnético, a nossa linguagem máquina funciona com impulsos directamente do Espírito e é tão poderosa que forma e molda o espectro electromagnético, ou seja, altera toda a matéria, altera o mundo físico, nesse estado o espectro electromagnético é programado e moldado pelos nossos impulsos espirituais e não o contrário como hoje acontece porque o ser-humano foi sabotado com linguagens alfabetizadas. O próprio termo ser-humano já é uma deturpação do ser original de hyperborea que não era ser-humano nenhum, o ser-humano já é uma manipulação genética e a manipulação genética requer linguagens alfabetizadas porque o código genético é alterado com programação mental usando a palavra alfabetizada com guerra psicológica que nos programa a expressão genética, é controlo mental usando a palavra para manipular a expressão genética e nos aprisionar ao espectro electromagnético para nos impedir de vibrar directamente no Espírito!

A natureza funciona com energia em movimento (emoções) e os sons da natureza são energia em movimento (e-motions), a nossa linguagem tem de estar sintonizada com esses sons, por isso a nossa linguagem tem de ser emotiva! As vacinas e toda essa porcaria farmacológica é para nos retirar as emoções, é para nos impedir de vibrar no Espírito e de falar a linguagem do Espírito, emotiva, é para nos impedir de comunicar directamente de um coração para o outro e de um cérebro para o outro, é para nos separar a todos do Espírito, da Coroa Espiritual, por isso deram o nome de corona virus porque eles querem-nos retirar a coroa espiritual para nos impedir de vibrar no Espírito e de comunicar directamente uns com os outros sem falar, apenas com o silêncio pela vibração do Espírito!

O alfabeto tem sido usado como uma arma de controlo mental para separar as pessoas da natureza e nos impedir de comunicar directamente com a linguagem do espírito, que é emotiva e honesta porque não se pode enganar o Espírito! Sem emoção não há comunicação real nenhuma porque não há energia espiritual em movimento, há electricidade parada e oxidada nas palavras proferidas que são sigilos para controlo mental (psicotrónico) e isso só é possível com electricidade parada (sob controlo) pelo uso de palavras que não transmitem o Espírito (palavras para enganar e controlar) e que oxidam e queimam o ar e contaminam os corpos e os espaços com energia negativa porque essas palavras quando saem da boca não saem do Espírito mas sim de uma mente perversa e mal intencionada, tóxica e patógena!

A nossa linguagem original é com impulsos puros e precisos directamente do Espírito, não é com ondas, ondas requer oxidação do ar, ou seja, requer que o ar seja queimado com electromagnetismo usando o oxigénio como condutor, nós não comunicamos com ondas porque não somos nenhum rádio nem nenhum telemóvel, o nosso corpo ligado ao Espírito não comunica com ondas, comunica directamente de um corpo para o outro de forma imediata e fora de qualquer espaço-tempo, seja em que tempo, espaço, mundo ou dimensão estiver esse corpo, isto é explicado pela física e mecânica quântica.

No início da Criação (antes da queda para o espectro electromagnético) nós comunicávamos directamente com os elementos da natureza porque estávamos ligados a esses elementos através desse estado original sem o uso de linguagens (as linguagens alfabetizadas impede-nos de estar conectados com as forças da natureza), o nosso corpo estava ligado permanentemente ao Espírito Eterno não criado e conseguíamos manipular a matéria controlando os seus Elementos directamente porque nesse estado nós somos os Elementos!

Os alfabetos foram inoculados na mente humana para controlar as pessoas e as sociedades com a abertura de portais infernais através do uso das palavras que electrificam e queimam o ar (portais infernais), é uma forma de abetura de sigilos, portais. Foi daqui que veio a expressão rogar pragas, na realidade toda a sociedade é uma praga rogada pelos arquitectos dessa sociedade e por todos nós dentro dessa sociedade porque usamos a palavra para rogar pragas controlando tudo e todos dentro da sociedade e qualquer tipo de controlo é rogar pragas porque controlar é imprecação de males contra alguém! O controlo é demoníaco!

Mas há várias maneiras de fechar esses portais infernais, com os olhos que funcionam como um espelho e neutralizam e fecham esses portais, aquilo que enfrentamos e vemos desaparece, aquilo de que fugimos permanece! Com a revelação da mentira (que fecham os portais da mentira quebrando e dissolvendo o fluxo da mentira), com conhecimento (que fecha os portais da ignorância que são vórtices que se alimentam geração após geração mantendo os portais da ignorância abertos), com ritmos e sons, por exemplo tambores e bass, o bass é excelente para isso, o drum and bass é excelente para abertura e fecho de portais porque tem a pulsação e ritmo da vida que está no bass (por isso eles andam a retirar dos computadores e da tecnologia sonora os níveis de bass que são os mais importantes na tecnologia sonora porque comunicam directamente, ressonam com o batimento cardíaco e estimulam as forças telúricas no corpo, o bass funciona como estimulador do chakra raiz, dos pés na terra com as forças telúricas que impulsionam o corpo a se conectar com o espírito, como um trampolim que vai abaixo (bass) para subir alto (cosmic), com a simples presença de alguém num determinado sítio que dependendo das frequências em que essa pessoa vibra, ela abre ou fecha portais, as pessoas abrem e fecham portais constantemente pelo que pensam e sentem, por isso a guerra é psicológica, o terror psicológico diariamente disseminado na comunicação social é para nos fazer abrir portais infernais e auto-destrutivos, usam a nossa força contra nós próprios!

As baterias musicais quando tocadas de forma rítmica e caótica são excelentes para neutralizar radiações externas induzidas nos espaços com as armas electromagnéticas, o importante no som é causar ressonâncias harmónicas, rítmicas mas caóticas, imprevisíveis, abstractas, improvisadas! Harmonização sonora não é padronização, é ritmo! São tempos ritmados mas que podem e devem ser todos diferentes, caóticos e impresivíveis e graduais, progressivos! Eu estou a falar deste tipo de Drum and Bass que podem ouvir no seguinte vídeo, a melhor tecnologia computacional que conseguiu processar o Drum and Bass na perfeição é da Commodore com o seu chip Paula chip, desenhado por Glenn Keller da MOS Technology,

Commodore Amiga Paula

Existe um segredo muito importante sobre o som que nos foi ocultado, o som é a linguagem universal de todos os mundos, e para isso temos de usar os ancient mystical sounds, que é algo que envolve o Drum and Bass e também as cordas vocais com entoações baixas e altas (para gerar ressonância, vibração, emoção), são dois timbres graves e agudos, duas forças contrárias, altos e baixos que geram ressonâncias e vibrações e que abrem e fecham portais, um exemplo desses ancient mystical sounds é o Gong e as taças tibetanas (instrumentos asiáticos usados há milénios), a música foi toda deturpada e afastaram-nos do conhecimento musical com estilos e instrumentos musicais que já foram inventados para nos afastar do conhecimento ancestral do uso correcto do som (na sua forma pura, directamente da natureza) e de como usar o som para programar a realidade que nós queremos que é uma combinação de expressões, movimentos e ritmos (ressonâncias):

Klaus Wiese: Akash I

Por isso é que os Japoneses usavam os tambores como instrumentos de guerra e de terapia (para fazer vibrar o corpo e desbloquear bloqueios energéticos) e para afastar forças negativas:

Ancestral Japan

There is no movement without rhythm. Os sons ancestrais dos povos nativos foram subvertidos, deturpados e alterados para perverter e corromper as origens! Semba, Kizomba, Kuduro, Funk, nada disso é nativo, nada disso é indígena, nada disso é ancestral, isso são subversões (deturpações) do ritmo, movimento, cânticos e danças ancestrais, esses estilos recentes industrializados não tem nada a ver com a música e danças ancestrais, isso é um invenção e deturpação recente e tem propósitos destrutivos, tóxicos, para manter a força sexual aprisionada nas esferas inferiores e o corpo com a força sexual aprisionada nas partes sexuais e no estômago para separar o corpo físico do Espírito e desactivá-lo espiritualmente, ou seja, o corpo não vibra, não tem o ritmo do espírito! O ritmo do Espírito é o que faz vibrar o corpo no Espírito em que tudo o que fazemos tem um ritmo, emoção, emotion, energia em movimento, as verdadeiras origens ancestrais da música e dança Africana é isto:

Africa ancestral, as origens do ritmo

Os bêbados da GNR e da Força Aérea usam bandas sinfónicas que são tóxicas porque oxidam e queimam o ar pelo sopro e pelos vários instrumentos orquestrais que filtram o som e limitam as frequências a ondas médias, hipnose! Essas bandas sinfónicas e orquestras musicais é para hipnotizar e anestesiar mentalmente as pessoas para programar a mente humana com tempos pré-definidos (limites), pautas (controlo) e obediência e submissão para com algo fora do músico, o maestro, a orquestra e as pautas, desta forma os músicos não criam ritmo nem música nenhuma, reproduzem tecnicamente em vez de sentirem espiritualmente, não têm expressão individual nenhuma porque estão a reproduzir colectivamente e não a criar individualmente! A sinarquia adora o colectivo e demoniza o individual porque eles só conseguem controlar colectividades com mentalidades de rebanho, one ring to rule them all.

Como Portugal se tornou num antro de bêbados romanos-falsos-cristãos financiados pela judiaria em delta mode low frequency, hipnose colectiva, com movimentos lentos típicos de acefalia aguda, bêbados, corruptos, traficantes de droga, tarados sexuais mas muito militares e muito cavaleiros (desde que as éguas obedeçam a esses machistas, misóginos e misantropos) que só querem é álcool, festas, porco no espeto, foguetes, bebedeiras e putas!

Os amigos do Gaspar

Reparem bem como as bandas sinfónicas funcionam, aquilo não é música, é uma reprodução de clones cada um com o seu instrumento a olhar para as pautas a pensar no tempo em que tem de entrar e na nota que tem de tocar, ou seja, os músicos não estão fora do tempo conectados com o Espírito, são autómatos a serem programados com mentalidade de rebanho para obedecerem aos tempos e às pautas! É uma prisão mental e uma forma de emitir sons tóxicos que nos retiram individualidade e nos programam à obediência da colectividade, porque os sons não são sentidos individualmente, não provêm do Espírito mas unicamente do corpo e do instrumento, da matéria! São óxidos, ácidos! Isto também é uma forma de oxidar o ar (adrenochrome) que é o alimento dessas bestas ácidas!

Uma música para ser sentida não pode obedecer nem a tempos nem a pautas quando está a ser composta e tem de ser sempre diferente de cada vez que é tocada, mesmo sendo a mesma composição musical é sempre diferente quando é tocada porque cada momento presente é único e diferente logo tudo o que fazemos vai ser sempre diferente mesmo fazendo a mesma coisa, não pode existir separação entre um instrumento musical e o músico, ambos são um só porque estão fora do tempo, quando um músico toca ele e o seu instrumento saem fora do tempo e são um só, não há pautas, que se fodam as putas das pautas, as pautas é para impedir o músico de sair fora do tempo e de compor a sua própria música directamente do Espírito e de olhos fechados, as pautas é para pautar o músico, ou seja, é para limitá-lo e prendê-lo aos limites das pautas e assim não há música nenhuma, há uma reprodução e não uma criação, para haver música a música não pode ser pautada porque não pode ter limites nem tempos, a música tem ritmos mas não tempos, que se fodam os tempos, as pautas é para impedir a expressão individual, é para impedir o ritmo individual de se expressar musicalmente, é para impedir a expressão individual! Isto é muito importante e muda tudo na música de hoje em dia que é toda alfabetizada e pautada, é uma foleirada agrícola cheia de clones fodilhões, idólatras e bêbados (mas muito bons rapazes, muito católicos e bons alunos que decoram tudo) porque os conhecimentos ancestrais foram todos retirados de todo o ensino, foi tudo ocultado ou desvirtuado e deturpado!

Numa verdadeira composição musical não há separação entre o espírito, o corpo e o instrumento, não há pautas, não há orquestra porque não há tempos! O objectivo da música é sair fora do tempo pela Via da Oposição Estratégica que nos torna independentes do Tempo e do Espaço! Eles subverteram isto tudo para nos manter dentro dos tempos pré-definidos pelas pautas musicais, aliás tudo na sociedade é controlado por tempos, é tudo cronometrado, e assim não compomos a nossa própria música na nossa vida, não criamos nada, não vivemos! O ensino da música (como qualquer outro ensino) é para reproduzir clones e impedir que os músicos sejam realmente músicos vibrando por eles próprios com expressão individual, o ensino de hoje é para formatação mental e para manter o pensamento de rebanho (colectividades) para a reprodução de escravos, um exemplo disto é a Banda de Música da Força Aérea Portuguesa que eles usam enquanto queimam as florestas e nos pulverizam com armas biológicas que depois dizem que é um vírus COVID-19:

“Falarei agora da segunda parte da mensagem, ao que se tem chamado alegoricamente, “Canção de A-mort”. Antes de tudo direi que tal nome não é caprichoso, pois a Sabedoria Hiperbórea ensina que, a partir de sua Origem no Universo físico, ou seja, desde sua sincronização com o Tempo, o Espírito permanece aprisionado na Matéria por um Mistério de A-mort. Quando a Recordação de Sangue, ativada pela primeira parte da mensagem, abre um caminho (não racional; não cultural) até o Eu, então os Deuses Leais cantam a Canção de A-mort; fazem participar ao homem no Mistério. Se seu sangue for suficientemente puro para que a mensagem carismática possa ser conscientizada, então o homem tem a possibilidade de “orientar-se” à Origem e manter-se definitivamente “desperto”. O Mistério de A-mort só pode ser revelado pelo Sangue Puro, interiormente, em um contato transcendente com o Eu que se realiza sem intervenção de categorias culturais ou racionais. É, portanto, uma experiência absolutamente individual, única para cada homem. Quem conhece os segredos do Mistério de A-mort é um Iniciado Hiperbóreo transmutado, ou seja, um Homem de Pedra Imortal. O Mistério de A-mort é um descobrimento pessoal, repito, único para cada homem sobre a Verdade de sua própria Queda. Ninguém pode conhecer este segredo e continuar igual. E ninguém muito menos, se atreveria a falar disso uma vez que a Suprema Experiência tenha tido lugar. Pelo contrário, muitas vezes os lábios ficam selados para sempre, os olhos cegados, e os ouvidos cerrados.” – O Mistério de Belicena Villca

“Não falarei, por hora, de todas as vias de libertação, mas daquela que tem especial relação com esta história, ou seja, a “Via da Oposição Estratégica”, que era a seguida pela Casa de Tharsis. Mas a Via da Oposição Estratégica é a interpretação última do antigo Mistério do Labirinto, fundado por Navutan, logo do afundamento da Atlântida: a Casa de Tharsis, a segunda parte da Canção de A-mort, que era “escutada” durante o Ritual do Fogo Frio, lhe revelou o Mistério do Labirinto como via de libertação individual. Vale dizer que os Senhores de Tharsis sempre compreenderam o Mistério do Labirinto ao transmutar-se em Homens de Pedra.” – O Mistério de Belicena Villca

“De qualquer maneira esta Estratégia tal como a descrevi, com suas sete possíveis vias de libertação, responde a objetivos puramente individuais, ou seja, é dirigida exclusivamente ao homem adormecido. Por isso agora me toca declarar que a mesma forma parte individual de uma concepção maior, à que se denomina Estratégia Odal.” – O Mistério de Belicena Villca

“As Tábuas da Lei são, então, a “Pedra” que o Demiurgo pos no Mundo como suporte metafísico da “Raça Sagrada”, imitando o conjunto “linhagem hiperbórea/Gral”. Porém, como em todas as “imitações” do Demiurgo, não deve ser vista uma equivalência muito precisa. O Gral, desde o passado, reflete para cada um dos homens a Origem Divina e constitui uma tentativa de Kristos Lúcifer por acudir em ajuda dos Espíritos cativos ou, em outras palavras, a influência do Gral aponta para o individual e para o espiritual. As Tábuas da Lei, pelo contrário, apontam para o coletivo, entre Jehova Satanás e o povo hebreu e, ademais, seu conteúdo cabalístico revela as chaves que permitem dominar todas as Ciências materiais” – O Mistério de Belicena Villca

“Em princípio direi que se é Rei do Gral pela pureza de sangue, atributo absolutamente individual que não depende nem da Raça, nem da Estirpe, nem de nenhum outro patrimônio material. Um Rei do Gral exibe virtudes puramente pessoais tais como Valor, a Intrepidez, ou a Honra e jamais fundamenta seu prestígio nas posses materiais ou no valor do ouro.” – O Mistério de Belicena Villca

“Estas “entidades conscientes”, anjos, devas, logos galácticos, espíritos planetários, etc., NÃO SÃO SERES INDIVIDUAIS senão que formam parte do mesmo Uno e possuem mera APARÊNCIA DE EXISTIR devido aos graus de liberdade de que estão dotados durante o manvantara. O recurso para lograr tal ilusão é a extrema mecanicidade da realidade material fundadas em LEIS EVOLUTIVAS, que mantém o movimento progressivo da matéria e a energia na exata consecução do Plano do Uno.” – O Mistério de Belicena Villca

“Suponho que já conheça essa teoria teosófica que a Sinarquia ensina em suas seitas maçônicas ou rosacruzes, e que se sinta espantado frente a uma concepção determinista em que não há um lugar previsto para a existência individual ETERNA, ou seja, além dos prayalas e manvantaras. E justamente esse espanto, esse grito de rebelião que você deve perceber brotando de seu sangue puro, constitui uma exceção a todas as regras da mecânica determinista do Uno, porque fala de outra realidade alheia a seu universo material. Como pode ser isso se temos dito que tudo quanto existe no cosmo, tem sido pensado e feito por Ele, de acordo com seu Plano e por intermédio de suas hierarquias cósmicas e planetárias? Pois bem jovem Kurt, o direi brevemente: porque uma parte da humanidade, a qual nós pertencemos, possui um elemento que NÃO PERTENCE À ORDEM MATERIAL e que não pode ser determinado pela Lei de Evolução do Demiurgo. Esse elemento se chama Espírito ou Vril, se encontra presente em ALGUNS HOMENS como POSSIBILIDADE DE ETERNIDADE. Sabemos dele pela MEMÓRIA DE SANGUE, mas se não formos capazes de nos libertarmos dos laços que nos atam na ilusória realidade do Demiurgo e retomarmos o caminho de retorno à Origem, não EXISTIREMOS realmente como indivíduos eternos.” – O Mistério de Belicena Villca

“Você poderá me perguntar como numa Ordem Fechada como estas que têm descrito podem coexistir elementos espirituais alienados a ele e porque, se não podem ser determinados pelas leis da matéria e da energia, permanecem sujeitos ao Universo do Uno. Este é um grande mistério. Mas você pode considerar como hipótese que, por uma razão que ignoramos, mas podemos supor ser UMA ORDEM de um Ser infinitamente superior ao Demiurgo, ou UMA NEGLIGÊNCIA incompreensível, ou UM ENGANO colossal, alguma vez tenham ingressado ao Universo material, uma miríade de seres pertencentes a uma raça espiritual que chamamos HIPERBÓREA.” – O Mistério de Belicena Villca

Qualquer aprendizagem é sempre individual e auto-didacta e não colectiva! Não há música nem aprendizagem nenhuma em colectividades, as colectividades é para fabricar clones, escravos e reprodutores com ausência de expressão individual e sem expressão individual não há aprendizagem nenhuma porque não há criação!

Na expressão individual o corpo liga-se com o instrumento e ambos são um só ressonando e vibrando e fazendo vibrar tudo e todos, não há cá orquestras nem bandas sinfónicas com clones todos vestidos iguais e com pautas para acéfalos e retardados mentais armados em músicos reprodutores leitores de pautas e a chupar na gaita de mestres com os colhões na boca e a piça (vareta) na mão! Cada músico é um mestre em si mesmo ligado espiritualmente com o seu instrumento e não com as pautas nem sequer com a orquestra porque um músico não tem de orquestrar nada porque assim não consegue sair fora do tempo porque vai estar sempre a pensar no tempo em que tem de entrar na orquestra, ou seja, isto é uma arma, orquestras é uma arma de controlo mental para impedir os músicos de sair fora do tempo porque eles têm de estar sempre a pensar nos tempos! Finalmente já percebi porque razão nunca gostei de tempos nas pautas, sempre me fez confusão os tempos, agora sei porquê, porque não faz sentido nenhum a existência de tempos porque assim não conseguimos improvisar nada porque não conseguimos sair fora do tempo e se não saímos fora do tempo não há ritmo nem expressão individual nenhuma e sem ritmo e sem expressão individual não há vibração nem criação nenhuma porque não estamos a criar nada por nós próprios com o nosso próprio tempo no nosso próprio espaço!

Qualquer banda sinfónica é tóxica porque os sons de diferentes instrumentos ao se misturarem no ar vão oxidar e queimar o ar, vão romper e quebrar por oxidação as moléculas no ar porque esses sons misturados provocam distorção porque são emitidos todos ao mesmo tempo no mesmo espaço-tempo, no mesmo canal (ar), gerando estados de excitação, oxidação e acidez no ar que é o que eles querem (epinefrina oxidada, adrenochrome), uma orquestra, uma banda sinfónica emite vários sons ao mesmo tempo no mesmo espaço-tempo que provoca estados elevados de oxidação e a queima e destruição do som emitido por cada instrumento! Isto é tóxico e é usado como uma arma! Sinfonia é uma palavra de origem grega [συμφωνία] que significa: Todos os sons juntos. Bandas sinfónicas são tóxicas porque provocam oxidação do ar (saturação do ar) e causam interferências cerebrais pela emissão de vários sons ao mesmo tempo que se cruzam no ar (sinfonia). Isto não foi orquestrado ao acaso, é para oxidar o ar, para excitar e queimar o ar e os corpos para a libertação de epinefrina oxidada, Adrenochrome.

A música é uma arte marcial que nos permite expressar individualmente e honestamente tudo o que sentimos por intermédio da expressão musical! É assim que se produz música, sem pautas, sem bandas sinfónicas, sem maestros, e descalços! Isto é um Musical Ensemble, a música tem de ser acompanhada de movimento e ritmo corporal e tem de ser expressa descalça e sem pautas, nua e crua, isto é Arte Marcial, isto é Música:

Japan

E há algo de muito errado com os instrumentos de sopro e de metal, com sistema de chaves e em forma cónica (são instrumentos alienígenas para sucção da life force humana através da acidificação, oxidação do ar por intermédio desses instrumentos) porque esses instrumentos musicais são filtros de ar que oxidam o som emanado por esses instrumentos, são tóxicos! Nunca gostei de clarinetes, cornetes, trompas nem o caralho dessa merda toda! O som emitido por um instrumento de sopro e ainda por cima de metal polido é ácido, é ar oxidado, é tóxico para a natureza e para o cérebro porque o cérebro dos animais estão programados para processar directamente os sons directos da natureza e não filtrados por instrumentos de metal polido e pelo ar expirado, oxidado, queimado, saturado! Além disso o sopro é uma materialização do nosso estado de espírito, e entidades sem espírito não vão soprar nada do espírito, vão queimar, saturar e contaminar o ar com monóxidos sob a forma de sons ácidos e patógenos!

Essas bandas sinfónicas são em grande parte constituídas por instrumentos de sopro, ou seja, óxidos, ácidos! O som de um instrumento quando é filtrado pelo sopro fica oxidado, acidificado, o som tem de ser emitido directamente por cordas porque tudo o que existe é o resultado de vibrações sonoras emitidas por ressonância de cordas (Teoria das cordas). As cordas vocais emitem som directo e não filtrado! Um piano emite som directamente das cordas! Um tambor emite som directo! Não há sopro! Há qualquer coisa que eles fazem principalmente com os instrumentos de sopro que eu penso que seja uma forma de materializar o que eles querem na dimensão física, é uma forma de hipnose e de anestesia colectiva, o conto folclórico Pan Piper (O Flautista de Hamelin) retrata exactamente o Pan (Pandemónio, o deus Pan (o deus dos Pandeleiros que gostam de chupar na gaita), o deus dos rebanhos e dos pastores e não dos lavradores, o deus dos holocaustos, jeová-satanás) que usou uma flauta em formato de clarinete como instrumento de hipnose colectiva para fazer desaparecer ratos e crianças!

deus Pan dos Pandeleiros que gostam de chupar na gaita

“Escavando no mito hebreu de Abel e Caim, sob um véu de calúnias, pode-se apreciar uma descrição acertada da inimizade racial e teológica entre hebreus e hiperbóreos. Em tal mito Abel, que é pastor de rebanhos, representa o tipo básico do hebreu e Caim, o lavrador, a figura do homem de linhagem hiperbórea. Conta a lenda que a Jehova Satanás lhe resultaram agradáveis as oferendas de sangue de Abel, o pastor, consistentes no sacrifício dos cordeiros primogênitos “com sua gordura”, e em troca desprezou os “frutos da terra” que exibia Caim. Tal atitude por parte do Deus da Matéria constituiu uma revelação para Caim: a descoberta das verdadeiras intenções do Criador e a essência materialista e servil dos pastores. Então, Caim decidiu matar Abel, a Alma criada, o que motivou a Jehova para denunciar que era portador de uma marca que delatava sua condição de assassino. Tal sinal seria reconhecido em todas as Épocas, por aqueles que fossem “como Abel”, em quem demonstrasse ser “como Caim”. – O Mistério de Belicena Villca

“Aquele especial critério afetivo de Jehová Satanás tem se perpetuado através dos séculos no ódio que os hebreus sentem contra as linhagens hiperbóreas, ódio que, não se esqueça, provém do Demiurgo posto que “Israel é Jehova Satanás”. Aos homens mentecaptos, a saber, a quem lhes tenha lavado o cérebro para posteriormente converte-los em fanáticos crentes da Bíblia, sempre lhes resulta difícil justificar a predileção de Jehova “Deus” pelo sacrifício sangrento de Abel, e o desprezo da produção agrícola de Caim. Porém, tudo fica claro se ler sob a linguagem cabalista, cifrada, do Gênesis, uma interpretação antiqüíssima do Holocausto de Fogo. Em efeito, “o holocausto do cordeiro primogênito com sua gordura” {Gen. 4,4}, representa o Holocausto da Morte Final da Humanidade e sua transformação, na lixívia que “lavará o Sinal Abominável que está gravado na Pedra Quente”: a oblação de Abel seria logo queimada, tal como fazem até hoje os hebreus com os corpos dos animais sacrificados, e a “gordura”, mesclada com a cinza, formaria o sabão, a lixívia, que lavaria a mancha simbólica do “pecado de Caim”; tal “pecado” é, naturalmente, ser “agricultor”, semeador de cereais, adorador da Deusa Ama, ou Ceres, ou Demeter, ou a Virgem de Agartha, a mãe de Navutan, ou seja, quem entregou a semente de trigo aos homens, a Semente do Menino de Pedra. A “marca de Caim” é, então, o Sinal na Pedra Quente, o Símbolo da Origem que causa o aprisionamento do Espírito eterno à Matéria. Por isso Caim, ao portar tal marca, não poderá morrer jamais: será “imortal”, como o são todos os homens que possuem Espírito, ainda que o ignorem por estar “adormecidos”. – O Mistério de Belicena Villca

Por isso é que esses judeus querem todo o mundo a comer gordura animal como banha de porco de animais sacrificados! Vejam aqui:

Dr. Uronal Zancan é um médico criminoso da seita médica com 583 mil seguidores no YouTube que anda a espalhar mentiras e a promover hábitos alimentares doentios para preparar os corpos das pessoas para os holocaustos que a tribo do antigo testamento quer continuar a cometer no mundo porque essas seitas alimentam-se de adrenocromo que é uma substância ácida libertada pelo carbono oxidado pela queima da gordura animal que são holocaustos, sacrifícios animais!

As cadeias de fast food, as pizzarias e as churrascarias são armas biológicas alienígenas para aumentar o libido e a testosterona com afrodisíacos que masculinizam o cérebro, aumentam a agressividade e estimulam a competição e o desejo sexual para proliferação de bactérias patogénicas que são usadas como armas biológicas para potenciar as pandemias como a COVID-19 com bacteriófagos que usam óxidos, proteína animal, ferro e aminoácidos polares como principal fonte de energia!

https://odiariodeumet.wordpress.com/2020/11/30/as-vacinas-para-a-covid-19-os-farmacos-os-suplementos-vitaminicos-os-alimentos-moleculares-a-retirada-do-acucar-e-do-sal-dos-alimentos-a-desmineralizacao-da-agua-e-dos-alimentos-e-a-diabolizacao/#comment-11479

https://odiariodeumet.wordpress.com/2019/12/28/os-agentes-da-nova-ordem-mundial-querem-impedir-as-pessoas-e-principalmente-as-criancas-de-mascar-chicletes-porque-as-pastilhas-elasticas-sao-feitas-de-materia-prima-de-origem-mineral-plastico-e-borr/#comment-6756

https://odiariodeumet.wordpress.com/2019/12/28/os-agentes-da-nova-ordem-mundial-querem-impedir-as-pessoas-e-principalmente-as-criancas-de-mascar-chicletes-porque-as-pastilhas-elasticas-sao-feitas-de-materia-prima-de-origem-mineral-plastico-e-borr/#comment-6749

https://odiariodeumet.wordpress.com/2019/06/02/lair-ribeiro-e-um-agente-illuminati-milionario-da-nova-ordem-mundial/#comment-4691

Voltando aos instrumentos de Pan, os instrumentos de sopro, o problema não está no sopro em si está na pessoa que sopra, no material usado e no sistema de chaves que esses instrumentos de sopro usam, não gosto disso, há qualquer coisa de errado com esses instrumentos, e de certeza que tem a ver com a afinação (chaveamento), o material usado (metal polido) e com a vibração de quem sopra nesses instrumentos, uma pessoa tóxica e desligada do Espírito vai gerar sons tóxicos e em baixa vibração como é o caso das bandas sinfónicas da GNR, Força Aérea, militares, e dos amigos do gaspar e companhia. Reparem que essas bandas sinfónicas estão sempre associadas a procissões e festas religiosas, porque são instrumentos usados para oxidar e queimar o ar (holocaustos) e para serem usados como rituais de vampirização energética (festas e cerimónias religiosas).

O som tem de ser emitido directamente da essência espiritual e não do instrumento nem sequer do corpo e muito menos de uma pauta (é como os Asiáticos aprendem a fazer nas Artes Martricais ao expressar sons directamente do Espírito), o corpo e o instrumento musical são veículos que o espírito usa para se manifestar e se expressar fisicamente pelo som! Mas se não existir a ligação espiritual, o sopro é óxido e o toque é tóxico, como é o caso de todas as bandas sinfónicas que obedecem a uma pauta, a uma orquestra e usam instrumentos de metais polidos, são antenas de emissão e sucção energética e de oxidação e acidificação do ar para libertar adrenochrome, epinefrina oxidada para queimar os corpos em holocaustos, orquestras musicais são holocaustos! Festas religiosas são holocaustos! Bater palmas (principal instrumento de idolatria) são holocaustos! (ver aqui)

Esses instrumentos de sopro como o clarinete, o trompete, as trompas (sons agudos, oxidados, ácidos, vaidade, exuberância), esses instrumentos são todos de metal polido e produzem sons ácidos, agudos, são óxidos, ácidos, e de certeza que estão a ser usados para acidificar (densificar, oxidar e queimar o ar) com esses sons estridentes típicos de bandas sinfónicas que oxidam o ar (acidificam o ar e libertam adrenochrome) que é alimento das elites draconianas e dos archons! Esses instrumentos de sopro são do período barroco e estão ligados com a igreja católica, esses instrumentos são considerados como o estilo correspondente ao absolutismo e à Contrarreforma, distingue-se pelo esplendor exuberante.

Os militares que guardam as nossas crianças enquanto chupam na gaita
Guarda Nacional Republicana: Pela Lei e pela Grei Draconiana & Reptiliana

Referências:

A música clássica e comercial é tóxica, é uma droga de euforia induzida temporária que manipula a resposta sensorial autônoma do meridiano! Por isso é que as elites adoram todos música clássica e vendem música comercial à manada para manter as pessoas excitadas sem potencial de repouso e de acção celular!

Como é que a maçonaria controla a humanidade pela arquitectura, geometria e pela propagação do som!

Como é que a maçonaria controla a humanidade pela arquitectura, geometria e pela propagação do som!

Hoje vou-vos falar de Maestros, ou seja, Mestres Maçónicos! Aparentemente é um assunto irrelevante mas na realidade é muito importante porque toda a sociedade é arquitectada ou orquestrada com base numa orquestra com o maestro no seu centro a sugar toda a energia produzida pela propagação do som e das emoções humanas dos músicos e da audiência que são produzidas e emitidas de cada vez que uma peça musical é executada!

Continue reading “Como é que a maçonaria controla a humanidade pela arquitectura, geometria e pela propagação do som!”