A Polícia Judiciária e a Jerónimo Martins são máfias e organizações terroristas que estão a mentir na comunicação social para manipular o público a aceitar a introdução da marca da besta (moeda digital) em nome de uma falsa segurança e um falso combate à corrupção porque são eles próprios que inventam casos de corrupção para implementar medidas securitárias de controlo absoluto e acabar com a privacidade e a liberdade de todos os seres-vivos!

A Polícia Judiciária e a Jerónimo Martins estão a mentir! Esta operação é uma grande mentira que está a ser usada juntamente com todas as outras operações de combate à corrupção como uma das fases da agenda 2030 cibernética e transhumanista que pretende acabar com o dinheiro físico para implementar o pagamento por telemóvel, a moeda digital, e o controlo absoluto biométrico! E para isso eles precisam de provocar um problema, a corrupção, para o povo reagir e logo a seguir apresentam-nos a solução, a moeda digital e a biometria que eles vão dizer que é para acabar de vez com a corrupção através da monitorização do dinheiro em tempo real acabando dessa forma com a privacidade e a liberdade das pessoas e de todos os seres-vivos que eles querem chipar com RFID para os controlar em tempo real.

Eles fazem sempre isto, problema, reacção, solução. E estão a fazer isso nesta operação da Polícia Judiciária que é uma mentira porque ninguém guarda 400 mil euros em dinheiro! Isto é um absurdo e só gente ignorante e absurda é que se acredita nisto!

Mas mais absurdo ainda é acreditar que uma empresa iria correr o risco de pagar a funcionários do Pingo Doce mais de um milhão de euros em subornos em vez de cobrir legalmente o preço da concorrência! Só tolinhos é que se acreditam nisto e não devemos considerar gente tolinha!

Os Directores da Polícia Judiciária e da comunicação social que lhes dão cobertura mediática deviam estar todos presos por mentirem à descarada perante todo o mundo como se todos nós fôssemos acéfalos e imbecis que não conseguimos ver as mentiras que eles constantemente publicam por escrito e verbalmente na comunicação social para nos manipular e enganar a todos para aceitarmos a marca da besta!

Continue reading “A Polícia Judiciária e a Jerónimo Martins são máfias e organizações terroristas que estão a mentir na comunicação social para manipular o público a aceitar a introdução da marca da besta (moeda digital) em nome de uma falsa segurança e um falso combate à corrupção porque são eles próprios que inventam casos de corrupção para implementar medidas securitárias de controlo absoluto e acabar com a privacidade e a liberdade de todos os seres-vivos!”