A pergunta (O que é que queres ser quando fores grande) que o sistema educacional português faz às crianças, é um acto de abuso de menores e de violência infantil e doméstica que explora a inocência da criança para a manipular mentalmente e emocionalmente fazendo crer à criança que ela não existe porque tem de ser alguém e se tem de ser alguém é porque ainda não é!

Para os meus leitores internacionais, aqui fica a transcrição das imagens:

Mamã quando for grande quero ser alguém como os Doutores. Diz aqui no livro que para sermos alguém temos de decorar resmas de livros certificados e aprovados pelos Doutores. Eu vou decorar este livro que é a Arte de Furtar e que está aprovado pelo Doutor (H)iena e depois vou ganhar muito dinheiro enganando as pessoas com a minha inteligência rabina!

Os Doutores são génios assim como uma tartaruga também pode ser um génio pois temos o caso da tartaruga genial que é uma prova científica irrefutável e cohort da horta do Son Goku que demonstra que as tartarugas e os doutores não são assim tão diferentes uns dos outros, biologicamente são diferentes (discutível) mas intelectualmente são idênticos porque são ambos geniais!
Continue reading “A pergunta (O que é que queres ser quando fores grande) que o sistema educacional português faz às crianças, é um acto de abuso de menores e de violência infantil e doméstica que explora a inocência da criança para a manipular mentalmente e emocionalmente fazendo crer à criança que ela não existe porque tem de ser alguém e se tem de ser alguém é porque ainda não é!”

O caso do Juiz Neto de Moura é um estratagema mediático de violência doméstica que o Triunfo da Vara de Porcos Judiciais estão a usar através da comunicação social para manipular e programar neuro-linguisticamente a mente das pessoas com a expressão “Neto de Moura” para que o subconsciente colectivo associe de forma negativa os netos a mouros e os mouros a netos!

A Ministra da Justiça Van Dunem quer acabar com a privacidade e a protecção jurídica com uma Santa inquisição+, a justiça+, a santa inquisição 2.0 para que os populares e a comunicação social possam escrutinar, bisbilhotar e intrometer-se na vida de toda a gente em praça pública!

A Ministra da Justiça Van Dunem que usurpou o nome ao Van Damme usando-o de forma ilícita e ilegítima contra as populações para fins comerciais e de destruição social que contraria as intenções do Van Damme denegrindo o seu bom nome e reputação, quer-nos convencer que um processo judicial que é indiscutivelmente, cientificamente e empiricamente um diário pessoal das partes intervenientes de um processo, mas para a Ministra da Justiça um processo judicial não é um diário pessoal das partes intervenientes do processo porque ela quer-nos convencer que um processo judicial é um documento da república, ou seja, é de representação pública, é de todos!

A Ministra da Justiça é muito esperta mas os ETs são mais espertos do que ela! Van Dunem (nome usurpado de Van Damme) quer implementar a Cloud Computing na Justiça e para isso necessita de manipular a opinião pública para que as pessoas aceitem ceder a sua liberdade e segurança no tratamento dos seus dados pessoais e no respeito para com a sua vida íntima e privada, em nome de uma falsa segurança e uma falsa modernização da Justiça porque o que eles procuram não é modernização mas unicamente controlo totalitário, é monitorização e subordinação!

Continue reading “O caso do Juiz Neto de Moura é um estratagema mediático de violência doméstica que o Triunfo da Vara de Porcos Judiciais estão a usar através da comunicação social para manipular e programar neuro-linguisticamente a mente das pessoas com a expressão “Neto de Moura” para que o subconsciente colectivo associe de forma negativa os netos a mouros e os mouros a netos!”

O Ministério da Justiça, o Ministério Público, os incendiários e psicopatas da Comunicação Social, as autoridades de saúde e o Vaticano são irmandades satânicas de terrorismo altamente organizado que querem destruir as famílias biológicas e retirar as crianças aos pais para as drogar, vacinar e chipar com pulseiras e dispositivos electrónicos em nome da violência doméstica e de uma falsa protecção de menores para serem monitorizadas e vigiadas pelos pedófilos psicopatas das autoridades!

Todas as autoridades nacionais e internacionais são grupos de terrorismo que estão a seguir a mesma agenda, a Agenda 2030 transhumanista que pretende acabar com a liberdade e a privacidade das pessoas em todo o mundo e principalmente das crianças para as vigiar, monitorizar, rastrear, identificar e controlar com dispositivos electrónicos que têm chips RFID para rastreabilidade humana como fazem com o gado e com a geo-localização através da rede de satélites e de tele-comunicações, a smart grid!

Continue reading “O Ministério da Justiça, o Ministério Público, os incendiários e psicopatas da Comunicação Social, as autoridades de saúde e o Vaticano são irmandades satânicas de terrorismo altamente organizado que querem destruir as famílias biológicas e retirar as crianças aos pais para as drogar, vacinar e chipar com pulseiras e dispositivos electrónicos em nome da violência doméstica e de uma falsa protecção de menores para serem monitorizadas e vigiadas pelos pedófilos psicopatas das autoridades!”